quarta-feira, 13 de novembro de 2013

Apresentação do poema O Pinguim, no I Sarau Literário

video

O PINGUIM, 
VINICIUS DE MORAES

Bom dia, pingüim
Onde vai assim
Com ar apressado?
Eu não sou malvado
Não fique assustado
Com medo de mim
Eu só gostaria
De dar um tapinha
No seu chapéu jaca
Ou bem de levinho
Puxar o rabinho
Da sua casaca

Quando você caminha
Parece o Chacrinha
Lelé da caixola
E um velho senhor
Que foi meu professor
No meu tempo de escola
Pingüim, meu amigo
Não zangue comigo
Nem perca a estribeira
Não pergunte por quê
Mas todos põem você
Em cima da geladeira.


I SARAU LITERÁRIO- Vinicius, no Plural -- Música, Poesia e Paixão

Hoje, 13 de novembro, foi realizado o I Sarau Literário da Escola Otto Becker. Projeto este idealizado por mim e acolhido e apoiado pela diretora e demais professores da escola. Este ano foi homenageado o poeta Vinicius de Moraes pelo seu centenário. As apresentações estavam muito bonitas e contaram com a presença dos alunos da pré-escola e primeiros anos e das turmas das séries finais do ensino fundamental. Fico imensamente satisfeita de ter despertado nos meus pequenos o prazer da leitura dos poemas do livro "A Arca de Noé" e espero que tenha conseguido contagiar um pouquinho os demais alunos da escola com a magia da literatura e das poesias do nosso inesquecível "Poetinha".